3 Comentários

  1. juliana morais

    uma hora ele se cansa de obedecer a mamãezinha!!!! eu sei como é isso, experiência própria, converse com ele, se ele te ama vai mudar

    Responder
  2. Homem

    Como pensam as mulheres…. fico assustado: o homem que “obedece a mãe” não é submisso, nunca foi e nunca será…. digo para os BEM SUCEDIDOS… pois, a mãe não trabalha por ele.. não conquista as coisas por ele… e não decide onde seu dinheiro vai entrar ou investir.. O HOMEM “obedece” sua mãe como forma de compaixão, de entendimento e carinho… e principalmente agradecendo sua dedicada criação/RESPEITO… (é o famoso, ” pode deixar mãe” , “é verdade mãe” … mas faz sempre a coisa com bom senso e a mais adequada pra situação… ) a mãe, por outro lado, que foi responsável por sua criação por anos.. senti-se segura, pois sua opinião foi considerada… imagina como seria se a opinião de uma mãe que antes norteava a vida de um filho, de uma hora para a outra, não vale mais nada…!!!!! e, mulheres, quase todas vcs serão mães…. refletir e bom senso as mulheres que serão mães… o caminho não é competir com a sogra, sim provar que vc é uma grande companheira para o filho dela..

    Responder
  3. Luna

    Pelo que notei acima o usuário “Homem”, argumenta exatamente da maneira dos homens incapazes de tomar suas próprias decisões.
    Até a Bílbia afirma que o homem “deixará o pai e a mãe e se apegará à sua esposa e juntos, se tornarão uma só carne”.
    Infelizmente, passei e ainda passo pelo problema, tenho um marido que ainda não conseguiu se desapegar dos pais. Eu jamais desejei que o meu marido deixasse de dialogar com a mãe dele, tratá-la bem, etc.. No entanto, ele não precisa contar tudo o que envolve a nossa vida conjugal aos pais. Houve uma época em que meus sogros queriam ver a conta de luz, do supermercardo, queriam “nos ensinar” a fazer compras, dar sermão sobre gastos, isso porque meu marido leva esse tipo de coisa à eles. Eu não tenho uma vida particular com meu marido, e ele ainda não compreendeu que ter uma vida privada com a esposa não é “desfazer” dos pais, ou deixar de amá-los.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *